Devido ao agravamento da pandemia, a ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) anunciou que está suspenso o corte de energia dos consumidores de baixa renda para todo o Brasil. 

A medida vale para consumidores que possuem a tarifa social, benefício criado pelo Governo Federal para beneficiar as famílias com baixa renda. Este programa traz benefícios como a redução no valor mensal na conta de energia.

Segundo a Agência, a suspensão do corte deve beneficiar 12 milhões de famílias e segue até dia 30 de junho.

Para ter o direito ao benefício as famílias terão que ser cadastradas no Cadastro Único e ter renda mensal menor ou igual a meio salário mínimo por pessoa, ou ser portadora de alguma doença que necessite de um aparelho elétrico para seu tratamento, neste último caso, a renda mensal da pessoa tem que ser de até três salários mínimos. 

Além dos consumidores de baixa renda, a ANEEL possibilitou que as unidades de saúde, hospitais, armazenamento e distribuição de vacinas também sejam beneficiadas pelo veto do corte de energia.

“A sociedade brasileira se deparou com o agravamento da pandemia, que afeta, de forma mais intensa, a parcela mais pobre da população, para a qual a fatura de energia representa uma proporção mais significativa do orçamento familiar”, afirmou Sandoval Feitosa, diretor da ANEEL.

Source link