O setor elétrico brasileiro receberá investimentos de R$ 365 bilhões até 2030. Foi o que afirmou o diretor-geral da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), André Pepitone, nesta segunda-feira (17), durante o primeiro dia de conferências do “World HVDC Week 2021”. 

A estimativa apresentada pelo executivo contempla novos investimentos em geração centralizada (R$ 182 bilhões), em transmissão (R$ 90 bilhões) e em geração distribuída (R$ 93 bilhões). “O Brasil será um canteiro de obras do setor elétrico até 2030”, garantiu ele. 

Pepitone destacou que, desde a criação da ANEEL, em 1996, o setor elétrico brasileiro já recebeu investimentos superiores a R$ 930 bilhões. O diretor-geral também fez questão de valorizar o que ele classificou como “robustez” do sistema de transmissão brasileiro. “Quando colocado sobre o mapa da Europa, nosso sistema de transmissão cobre quase todo o território europeu”, ressaltou.

Durante o evento, o diretor da ANEEL ainda destacou as medidas que estariam sendo tomadas pela Agência para tornar viável a captação de novos investimentos para o setor, como o aprimoramento nos leilões de novas linhas de transmissão e o incentivo contratual à antecipação e à entrada parcial de instalações independentes.

World HVDC Week

A conferência é um evento global voltado para profissionais de concessionárias de energia elétrica e empresas de contratação, construção e consultoria que estão interessadas em ideias e soluções de nível executivo para a engenharia, construção, operação e manutenção de sistemas de transmissão de energia de corrente contínua de alta tensão.

O evento, que está acontecendo de maneira remota no Rio de Janeiro (RJ) e será finalizado na sexta-feira (21), inclui apresentações de especialistas reconhecidos em todo o mundo, estudos de caso e sessões de discussão interativas, juntamente com um andar de exposição virtual exclusivo, com foco em tecnologia. 

Source link