A Assembleia Geral de Credores da Sices Solar, importador e distribuidor de equipamentos fotovoltaicos, aceitou a proposta de recuperação judicial da empresa, com aprovação por 90% dos credores, representando 64% dos créditos. A decisão foi tomada nesta sexta-feira (24).

A companhia entrou em recuperação judicial em abril de 2020 e durante o processo contou com a assessoria financeira da Íntegra Associados. O processo foi homologado na 1ª Vara Regional de Competência Empresarial e de Conflitos Relacionados à Arbitragem, do TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo).

Segundo Leonardo Pantaleão, CEO da Sices, a expressiva votação na recuperação judicial mostra a confiança na Sices e seu enorme potencial de crescimento, em especial nesse momento de grandes oportunidades para a energia solar no Brasil. 

“Temos uma empresa moderna, com colaboradores comprometidos, integradores parceiros em todo território nacional e um time de especialistas prontos para atender qualquer demanda do cliente, de usinas para o agronegócio às instalações domésticas. A Sices está preparada para os desafios de consolidar a energia solar como matriz energética, de baixo custo e ambientalmente eficaz”, afirmou Pantaleão.

A empresa conta com 150 colaboradores diretos e centenas de integradores parceiros em todo território nacional. Nos últimos meses, manteve sua atuação no setor de solução fotovoltaica e projeta 400 MW em entregas de GD (geração distribuída) solar até o fim de 2021.

“A recuperação judicial fez com que a Sices se reinventasse, adaptando-se aos desafios naturais dela decorrentes, e, agora, está preparada para a continuidade de suas atividades com qualidade e eficiência. A empresa, inegavelmente, encontra-se mais estruturada e modernizada, seguindo as diretrizes do momento mais próspero do setor”, concluiu Pantaleão.

Publicado Originalmente no Canal Solar em 2021-09-25 17:59:51