Como funciona a energia solar?

Módulo fotovoltaico transforma a luz do sol em energia elétrica para o consumo. Foto: Elements

A energia solar fotovoltaica é aquela na qual a energia produzida provém da luz solar e é transformada em eletricidade para usarmos no dia a dia.

Para a geração de energia solar, são usados painéis fotovoltaicos que farão a transformação da luz e também inversores que farão a corrente elétrica ser adequada para o uso. Vamos entender como funciona este processo abaixo.

Passo a passo

Em um sistema de energia solar, são necessários módulos fotovoltaicos que, a partir da sua composição de células fotovoltaicas, irão transformar a radiação do Sol em eletricidade.

Depois vem a vez do inversor solar. Sua principal função dentro do sistema é usar a corrente contínua (CC) da energia elétrica produzida pelo painel solar transformando-a em corrente alternada (CA), para poder ser consumida pelos equipamentos eletroeletrônicos.

A produção de energia por um sistema solar fotovoltaico ocorre enquanto há luz do Sol, portanto acontece durante o dia. Já nos momentos em que não há geração solar – durante a noite ou quando está nublado -, o consumidor continua sendo alimentado pela rede elétrica pública.

Nos sistemas solares de produção própria conectados à rede elétrica pública, se a produção dos painéis solares for maior do que o consumo, então o excedente é injetado na rede gerando créditos.

A maior parte dos sistemas de energia solar no Brasil é do tipo conectado à rede elétrica pública, sem baterias, que é conhecido como sistema grid-tie ou on-grid. Este tipo de sistema opera em paralelo com a rede.

Os créditos gerados junto à rede elétrica serão recuperados pelo consumidor através de um abatimento na próxima conta de luz, conforme previsto pelo sistema de compensação de energia elétrica criado pela REN 482 (Resolução Normativa n.º 482/2012) da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica).

Vantagens da energia solar

Como o sistema solar fotovoltaico produz a própria energia elétrica, o consumo de energia da rede elétrica pública diminui. Em consequência, também cairá o custo na conta de luz para o proprietário do sistema.

Além disso, a energia fotovoltaica é uma fonte limpa e renovável, portanto tem poucos impactos no meio ambiente e seu uso colabora com a redução de poluentes na atmosfera e reduz o efeito estufa, responsável pelas mudanças climáticas do planeta.

Publicado Originalmente no Canal Solar em 2021-12-22 18:11:31