Aldo Solar atinge marca de 220 mil geradores de energia solar vendidos

Atualmente, a Aldo conta com 30% de participação no mercado de GD solar. Foto: Aldo Solar/Divulgação

A Aldo Solar atingiu a marca de 220 mil geradores de energia solar vendidos (sendo 10 mil deles somente no mês de janeiro), o que equivale a uma potência aproximada de 2,1 GW e mais de 5,6 milhões de painéis solares distribuídos no Brasil. 

Atualmente, a Aldo conta com 30% de participação no mercado de GD (geração distribuída) solar e, segundo a empresa, a energia fotovoltaica gerada pelos equipamentos da distribuidora já evitaram que mais de 2,7 mil toneladas de CO2 fossem lançados na atmosfera. 

Conforme os dados divulgados pela ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), o Brasil já possui mais de 821 mil geradores de energia solar instalados e distribuídos entre 836 mil unidades consumidoras, o que resulta em 9.1 GW de potência instalada. 

Para Aldo Pereira Teixeira, presidente e fundador da companhia, os números apresentados pela empresa apenas reforçam o crescimento das energias renováveis, sobretudo solar no Brasil. 

“Cada gerador entregue é um passo em direção a um futuro de harmonia entre os recursos naturais e nosso estilo de vida moderno. Afinal, se o consumo não tende a diminuir, o ideal é que nossas fontes de energia sejam renováveis”, disse. 

Parcerias 

A Aldo Solar é uma empresa parceira da gigante chinesa Jinko, e o acordo estabelecido pelas empresas é considerado o maior acordo de distribuição para GD já fechado pela Jinko fora da China.

Já com a Growatt, a parceria promete entregar ao mercado brasileiro 2,5 GW em inversores em 2022, sendo o maior mercado das Américas.

Em número de vendas, a empresa espera uma soma de mais 100 mil geradores vendidos em 2022, ou seja, fechar o mês de dezembro deste ano com 310 mil geradores, e um total de 8 GW. Em termos de faturamento, a empresa espera mais de R$ 6 bilhões em 2022.

 

Publicado Originalmente no Canal Solar em 2022-02-14 09:15:50