Academia de Tênis instala usina solar e se qualifica para torneios internacionais

Iniciativa tornou a academia apta a sediar jogos internacionais

A Techset Tennis Academy, academia de tênis localizada no Vogue Square, que fica na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro (RJ), investiu R$ 490 mil em um projeto de eficiência energética que incluiu a instalação de uma usina solar com potência instalada de 78,48 kWp e a troca da iluminação das oito quadras por lâmpadas de LED.

Com a iniciativa, a Techset conseguiu obter redução na conta de luz e a qualificação para receber os jogos da ITF (Federação Internacional de Tênis).

Parceira da Confederação Brasileira de Tênis, a Techset foi sede da equipe alemã durante a Copa Davis, onde treinou Alexander Zverev, TOP 3 do mundo. Além do tênis, a academia também tem uma escola de dança, ginásio, centro de artes marciais e fisioterapia. E uma conta de luz que beirava os R$ 30 mil por mês.

Para reduzir esta conta, a Tesch Energia, credenciada da Renovigi, fez o estudo de viabilidade energética a fim de zerar o consumo da conta de energia da academia. A solução mais econômica – e também sustentável – foi optar pela instalação de uma usina fotovoltaica, que ainda viabilizou a troca da iluminação pelas lâmpadas de LED, o que tornou a academia apta a sediar jogos internacionais.

“Este tipo de empreendimento tem um alto gasto de energia. Fizemos toda uma análise energética para conseguir projetar um consumo zero na conta de luz. A economia que a solar vai trazer viabilizou a instalação da iluminação por lâmpadas de LED, trazendo um ganho adicional ao projeto”, explicou Lucas Schüler, diretor comercial da Tesch Energia.

A usina solar da Techset conta com 144 painéis e dois inversores Renovigi de 30 kW. Gustavo Müller Martins, CEO da Renovigi, destaca o crescimento da energia solar entre pessoas físicas e pequenos e médios empreendimentos, principalmente no setor esportivo.

“Temos observado uma aderência cada vez maior entre empresários do esporte na busca por fontes energéticas renováveis, tanto pela economia na conta de luz, quanto pela questão ambiental. A preocupação com o meio ambiente é um valor importante para quem lida com o esporte, muito antes do ESG”, comentou.

Marco Aurélio Alencar, fundador da academia, está satisfeito com o investimento, que contou com financiamento de 50%. “Este projeto é fundamental para a modernização da academia, não só pela economia que irá proporcionar, como também pela sustentabilidade. Como uma academia de alta performance, precisamos estar alinhados aos valores ambientais do século 21”, comentou.

A Techset conta com oito quadras – seis de saibro e duas sintéticas – e é especializada na formação de atletas de alto rendimento, desde a base, com escolinha, até o treinamento de atletas profissionais.

Publicado Originalmente no Canal Solar em 2022-07-28 15:04:02