A utilização da energia solar com o objetivo de economizar na conta de luz é realidade em diversos órgãos públicos brasileiros, como escolas, hospitais e universidades.

Recentemente, a ABSOLAR (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica) realizou um levantamento que aponta que cinco estados estão com oportunidades para empresas de engenharia que realizam instalações de usinas fotovoltaicas no segmento de GD (geração distribuída).

Ceará

O Governo do Estado do Ceará abriu um edital com o objetivo de executar uma usina fotovoltaica com potência instalada de 147 kWp, um reforço estrutural e uma subestação com potência de 150Kva. Para mais informações sobre o edital, clique aqui.

Pará

Já no estado do Pará, a prefeitura de Santarém está com oportunidade para empresas de engenharia para a instalação de uma usina fotovoltaica do 8º Batalhão de Engenharia de Construção de modalidade TP/01/2023. Clique aqui para mais informações.

Piauí

No estado do Piauí, a cidade de Oeiras está contratando empresa para fazer a aquisição e realizar a instalação de equipamentos fotovoltaicos em sistemas de bombeamento nos poços da zona urbana e rural para atender as necessidades do SAAE (Serviço Autônomo de Água e Esgoto). Mais informações podem ser obtidas clicando aqui. Link

Além da cidade de Oeiras, o município de Brejo do Piauí também está contratando empresas de engenharia especializada em instalação de sistemas fotovoltaicos de microgeração distribuída. A usina terá potência total de 203,04 kWp. Acesse o link para mais informações.

Rio Grande do Norte

A Prefeitura Municipal de São José de Mipibu (RN) está fornecendo mais instalação de sistema de geração solar fotovoltaico, visando atender as necessidades da Secretaria Municipal de Educação, de acordo com a demanda da cidade, sob a responsabilidade da Secretaria Geral do Município. 

Para mais informações clique aqui.

São Paulo

Por fim, no estado de São Paulo, a Prefeitura Municipal de Divinolândia está com edital aberto para aquisição de um kit fotovoltaico de, no mínimo, 21,60 kWp.

Segundo o edital, a empresa selecionada será responsável por elaborar o projeto, aprová-lo junto à concessionária, fornece todos os equipamentos e materiais, realizar a instalação em solo e efetuar a ligação do sistema junto à concessionária de energia. 

Para mais informações clique aqui.

 

Publicado Originalmente no Canal Solar em 2023-09-12 12:09:13